Quando decidimos construir uma casa, pensamos em diversos aspectos: estética, custo, praticidade, tamanho e conforto. O conforto de uma casa pode ser definido através da relação de fatores como temperatura média dentro do ambiente interno, propagação de ruídos, iluminação e até as cores das paredes. Para atingir o conforto térmico é de suma importância pensar bem na insolação e ventilação da construção.

Insolação

Toda construção em sua fase de projeto deve ter um estudo de insolação para garantir o conforto térmico nos ambientes internos. Ele nada mais é que um estudo da posição do Sol em relação à construção em determinadas horas do dia em estações diferentes. Com ele em mãos é possível analisar quais fachadas receberão mais luz solar e em qual horário do dia.

Dormitórios e ambientes como a sala preferencialmente devem ficar voltados para fachadas que não recebam muita insolação nos períodos da tarde (voltadas para Oeste), pois tendem a ficar muito quentes. Áreas molhadas como cozinhas, banheiros e lavabos, onde há tendência de proliferação de fungos, podem ficar voltadas para Oeste sem problemas.

No caso de não ser possível fazer essas alterações ou até mesmo no caso de superaquecimento dos banheiros e cozinha, seja por falta de ventilação natural ou a localização do imóvel ser em área onde há altas temperaturas, é importante achar meios de diminuir a insolação nestas áreas: uso de vegetação para criar sombra na construção, uso de brises ou materiais atérmicos para revestimento da fachada, diminuindo a absorção de calor.

Estudo de insolação

Ventilação

Trabalhar apenas com o estudo de insolação não é suficiente para garantia de conforto térmico em uma edificação. A boa ventilação dentro dos ambientes vai garantir uma temperatura mais amena, além de melhorar a qualidade do ar interno, com a diminuição da proliferação de fungos e ácaros. Grandes aberturas e ventilação cruzada (com aberturas opostas em diferentes lados da edificação), garantem uma boa circulação de ar nos ambientes internos.

Mas cuidado com as janelas e portas muito grandes, pois elas podem acabar permitindo que a luz solar entre diretamente dentro da construção e acabe aumentando a temperatura, tornando o que deveria ser solução em problema. Nesses casos, o uso de ripados (que permitem a passagem de ar, mas bloqueiam o sol), pergolados e varandas são ideais.

Ventilação cruzada

Ar condicionado

Você deve estar se perguntando: ” Mas pra quê tudo isso se posso instalar um ar condicionado?”. Bom, realmente é possível instalar um ar condicionado, porém o gasto com energia elétrica pode ser poupado com apenas algumas modificações no projeto arquitetônico. Além disso, a ventilação natural é mais saudável e ao poupar em energia elétrica você estará contribuindo com o meio ambiente.